Croácia assina tratado para entrar na UE em 2013

A Croácia firmou nesta sexta-feira um tratado de acesso que levará o país a integrar a União Europeia a partir de 2013, após a ratificação dos parlamentos das 27 países-membros do bloco. O presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, elogiou o fato, dizendo que a Croácia se tornará um "observador ativo" da UE em todos os fóruns, até que se torne um membro em 18 meses.

AE, Agência Estado

09 de dezembro de 2011 | 09h49

"Hoje é um dia histórico para a Croácia e para a UE. A Croácia se tornará o 28º Estado da união", disse Van Rompuy a líderes do bloco na cerimônia.

As negociações para a entrada da Croácia levaram sete anos e envolveram disputas territoriais com a vizinha Eslovênia, além de pedidos para que o país prendesse suspeitos por crimes de guerra.

"Hoje a Croácia está entrando na Europa, mais o mais importante é que a Europa está entrando na Croácia", disse o presidente croata, Ivo Josipovic, aos chefes de governo presentes. A Croácia será a segunda nação da ex-Iugoslávia a integrar o bloco, após a Eslovênia, que tornou-se membro em 2004.

Funcionários disseram que os líderes da UE podem adiar a declaração formal da Sérvia como um candidato ao bloco até o próximo encontro da cúpula, em março. Segundo um rascunho de resolução, a Sérvia precisa normalizar relações com sua ex-província de Kosovo, que declarou independência em 2008. "Os líderes da UE estão muito preocupados com a crise do euro para perder muito tempo discutindo o status da Sérvia", disse um funcionário que pediu anonimato.

O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Barroso, disse que a UE irá "monitorar de perto" o progresso da Croácia no período. Ele também garantiu que outros países da região dos Bálcãs poderão ser no futuro membros do bloco europeu. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
UECroácia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.