EFE/EPA/NATIONAL DIGITAL ARCHIVE POLAND
EFE/EPA/NATIONAL DIGITAL ARCHIVE POLAND

Cronologia: Relembre os principais momentos da 2ª Guerra 

Desde a invasão da Polônia até a rendição do Japão, relembre os principais momentos da 2ª Guerra, que deixou entre 40 e 60 milhões de mortos, a metade civis, segundo os historiadores

Redação, O Estado de S.Paulo

31 de agosto de 2019 | 08h00

Ataque à Polônia 

Em 1º de setembro de 1939, a Wehrmacht ataca a Polônia. Hitler já havia anexado a Áustria em março de 1938, depois reivindicado os sudetos checoslovacos, obtidos com o acordo entre França e Inglaterra na Conferência de Munique. O Exército alemão invadiu a checoslováquia em março de 1939. 

Em 3 de setembro, a França e o Reino Unido declaram guerra à Alemanha.

Em sete dias, o Exército alemão chega à Varsóvia. Em 17 de setembro, a Polônia também é atacada pela União Soviética em virtude do pacto germano-soviético. A Varsóvia se rende dez dias depois.

Hitler e Stalin dividem a Polônia. 

A Batalha da França 

Depois de invadir Dinamarca e Noruega, Hitler lança em maio de 1940 sua grande ofensiva contra Bélgica, Holanda, Luxemburgo e França. 

No dia 17, posterior à rendição de Paris, o marechal Pétain pede o fim dos combates. No dia 18, o general De Gaulle chama Londres à resistir. 

O armistício é assinado no dia 22. A metade norte da França é ocupada e o governo Pétain se instala em Vichy.

A Batalha da Inglaterra

Em 13 de agosto de 1940, a Alemanha inicia a Batalha da Inglaterra, marcada pelos bombardeios em Londres e Coventry até maio de 1941. 

Diante da resistência inglesa, Hitler abandona seu projeto de invasão e coloca em marcha o bloqueio das ilhas britânicas.

 

Operação Barbarossa

Na transição entre 1940 e 1941, a guerra se volta para os Bálcãs e o Mediterrâneo, onde Hitler fornece um apoio essencial às ambições italianas.

Em 22 de junho de 1941, a Alemanha abre uma nova frente no leste e ataca a URSS, na chamada "Oparação Barbarossa". A Wehrmacht é detida em dezembro às portas de Moscou pela contraofensiva soviética. O cerco de Stalingrado durará cerca de 900 dias.

 

Pearl Harbor

Na guerra com a China, após ter invadido o sul da Indonésia, o Japão ataca de surpresa a base militar americana de Pearl Harbor, no Havaí, em 7 de dezembro de 1941, destruindo a maior parte de sua frota no Pacífico.

Os Estados Unidos entram no conflito que toma uma dimensão mundial.

Extermínio de judeus  

Em 20 de janeiro de 1942, a Conferência de Wannsee, próximo de Berlim, decide a "Solução final" e programa a eliminação sistemática dos judeus em campo de extermínio. 

No total, cerca de 6 milhões de judeus são assassinados. Homossexuais, ciganos e prisioneiros políticos também morrem nesses campos.

Afrika Korps  

No outono de 1942, as tropas do Marechal Rommel recuam no El Alamein, no Egito, diante dos britânicos. A retirada da Afrika Korps - a força expedicionária da Alemanha durante a Campanha do Norte da África - para o oeste termina em maio de 1943 com a rendição na Tunísia. 

Após o desembarque anglo-americano liderado pelo General Eisenhower na África do Norte em 8 de novembro de 1942, o Exército alemão invade a zona livre da França. 

 

Batalha de Stalingrado  

Na Rússia, onde luta a maior parte de suas tropas, Hitler sofre a derrota mais dolorosa. Em 2 de fevereiro de 1943, os alemães, cercados em Stalingrado pelo Exército Vermelho desde novembro, se rendem ao final de uma batalha que custou ao eixo meio milhão de vidas.

 

Operação Overlord

Em 6 de junho de 1944, mais de 156 mil soldados, em sua maioria americanos, britânicos e canadenses, desembarcam nas praias da Normandia. 

Sem esperar a chegada dos Aliados, Paris se levanta e é libertada em 25 de agosto.

A queda do 3º Reich

O Exército Vermelho, que começa em julho de 1943 uma longa marcha para o oeste, chega a Berlim em abril de 1945.  

A Alemanha nazista capitula em 8 de maio, dias depois do suicídio do Führer e da tomada de Berlim.

 

Rendição do Japão  

Em 2 de setembro de 1945, menos de um mês depois dos bombardeios atômicos de Hiroshima em 6 de agosto e de Nagasaki no dia 9, o Japão se rende, dando um fim à 2ª Guerra. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.