Cuba diz que doutrina Bush destruirá a ONU

O ministro cubano das Relações Exteriores, Felipe Pérez Roque, afirmou nesta sexta-feira que a nova doutrina norte-americana de ações militarespreventivas destruirá a credibilidade da Organização das Nações Unidas (ONU) e criará problemas para o governo dos Estados Unidos pelo mundo afora, mesmo entre seus aliados maispróximos.De acordo com o chanceler de Cuba, o presidente dos EUA, George W. Bush, poderia evitar "custos políticos" porque não existe nenhum país em condições de representar ameaça a Washington, seja "militar, tecnológica ou economicamente".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.