Cuba volta a comprar produtos agrícolas dos EUA

Na segunda maior operação do gênero, Cuba assinou novos contratos para a compra de cerca de US$ 32 milhões em produtos agrícolas de empresas dos EUA. Os contratos se referem à compra de cerca de 210.000 toneladas de alimentos, informou nesta quarta-feira organização não-governamental Conselho Econômico e comercial EUA-Cuba, com sede em Nova York, que faz a monitoração da economia da ilha e suas operações comerciais. Os produtos adquiridos - principalmente trigo, milho e arroz - devem chegar à ilha a partir de março. Os contratos foram assinados entre a estatal Empresa Cubana Importadora de Alimentos (ALIMPORT) e empresas norte-americanas como a Archer Daniels Midland, sediada em Illinois, disse John Kavulich, presidente do conselho. Até hoje, Cuba não havia revelado detalhes sobre os novos contratos, embora já houvesse antecipado a possibilidade de fazer um segundo lote de compras num montante similar ao da primeira aquisição, cujo valor foi de cerca de US$ 35 milhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.