Cúpula dos Estados Latino-Americanos é cancelada

A primeira reunião da Cúpula dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac), que ocorreria na próxima semana na Venezuela, foi cancelada. O motivo oficial não foi divulgado, mas o cancelamento pode estar relacionado à ausência do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, ao evento. Chávez está doente e internado há quase 20 dias em um hospital de Cuba.

LISANDRA PARAGUASSÚ, ENVIADA ESPECIAL, Agência Estado

29 de junho de 2011 | 16h13

A informação foi dada pelo chanceler venezuelano, Nicolas Maduro, ao ministro das Relações Exteriores do Brasil, Antonio Patriota, por meio de um telefonema. Patriota está em Assunção, no Paraguai, integrando a comitiva presidencial de Dilma Rousseff em visita ao país. Logo em seguida, os coordenadores da Celac receberam a informação do cancelamento por e-mail.

Tudo o que sabemos sobre:
CelacreuniãoVenezuelacancelamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.