Curdos rejeitam nova aliança contra Assad

O Partido da União Democrática, que controla a maior parte dos territórios curdos na Síria, rejeitou ontem o reconhecimento da Coalizão Nacional Síria, nova entidade de oposição ao presidente Bashar Assad. O grupo foi formado após o fracasso das tentativas da organização original dos insurgentes, o Conselho Nacional Sírio, de obter respaldo internacional. Saleh Muslim, líder dos curdos, disse que a nova aliança "repete os erros" do primeiro Conselho.

O Estado de S.Paulo

21 de novembro de 2012 | 02h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.