Dados oficiais mostram vitória de Ortega na Nicarágua

Os primeiros resultados oficiais das eleições realizadas na Nicarágua concedem uma ampla vitória ao candidato presidencial sandinista Daniel Ortega. O Conselho Supremo Eleitoral informou que o candidato da Frente Sandinista de Libertação Nacional (FDLN) obteve 40,85% dos votos depois de 7,22% do total de urnas apuradas.Esta porcentagem de votos corresponde à apuração realizada até o momento nos 17 departamentos provinciais que dividem o país. Caso este resultado se mantenha, Ortega será proclamado presidente eleito da Nicarágua já no primeiro turno. De acordo com estes primeiros dados preliminares, o segundo candidato mais votado foi Eduardo Montealegre, da Aliança Liberal Nicaragüense (ALN), com 32,68% dos votos.Segundo a lei eleitoral nicaragüense, para proclamar-se presidente no primeiro turno, o candidato vencedor precisa de 40% dos votos válidos ou de 35% deles desde que tenha uma vantagem de cinco pontos percentuais sobre o segundo colocado.O terceiro lugar até o momento é do candidato do Partido Liberal Constitucional (PLC), José Rizo, com 21,37% dos votos válidos, e em quarto lugar aparece o dissidente sandinista Edmundo Jarquín, com 4,87%.As eleições presidenciais e legislativas da Nicarágua foram concluídas às 18h (22h em Brasília) com o fechamento oficial dos colégios eleitorais. Os nicaragüenses puderam escolher os novos presidente e vice-presidente do país, além de 90 deputados do Parlamento Nacional e 20 do Parlamento Centro-Americano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.