Dalai Lama cancela viagens internacionais por mal-estar

O líder espiritual do Tibete, Dalai Lama, está sofrendo de exaustão e cancelou duas viagens internacionais. Ele se submeterá a exames médicos, informou hoje seu escritório. O vencedor do Prêmio Nobel da Paz, atualmente com 73 anos, teve "algum mal-estar nos últimos dois dias", informou um comunicado do seu escritório, acrescentando que os médicos diagnosticaram que ele sofre de "exaustão".Dalai Lama acaba de regressar à Índia após uma viagem de onze dias à França. Ele passou muitos meses, em 2008, visitando vários países, onde defendeu a causa tibetana por mais liberdade, após a repressão chinesa aos levantes em Lhasa. Ele cancelou viagens ao México e à República Dominicana que faria nas próximas três semanas, disse Thupten Samphel, porta-voz do auto-declarado governo do Tibete no exílio, que funciona na cidade indiana de Dharmsala.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.