Damasco tem eleições em clima de violência

A Síria realizou eleições parlamentares ontem, apresentando-as como um passo para as reformas prometidas. Mas a oposição descreveu a votação como uma "farsa" que ignorou as demandas populares por mudanças políticas. Não se espera que a eleição altere o impasse entre governo e oposição. As negociações devem continuar segundo o plano de paz da ONU. O primeiro passo na trégua, o cessar-fogo, ainda não vigorou desde que foi anunciado, em abril. Boa parte dos sírios aderiu ao boicote proposto pela oposição.

O Estado de S.Paulo

08 Maio 2012 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.