Decretado impeachment de presidente indonésio

A maioria dos parlamentares da Indonésia decretou o impeachment do presidente Abdurrahman Wahid, exigindo que ele seja substituído pela vice-presidente do país, Megawati Sukarnoputri. Wahid é acusado de corrupção e incapacidade de administrar o país. Além disso, os parlamentares disseram que o presidente violou a constituição indonésia ao decretar estado de emergência para espacar do impeachment.A Assembléia Legislativa Popular recebeu o apoio das Forças Armadas e da polícia da Indonésia e ignorou o estado de emergência decretado por Wahid, levando adiante o processo de impeachment. Ainda não está claro até quando Wahid permanece no poder, pois o presidente indonésio se recusa a deixar o cargo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.