Defesa do terrorista McVeigh apresenta nova apelação

Os advogados de Timothy McVeigh, o responsável pelo atentado de Oklahoma City, apresentaram hoje um recurso a um tribunal de apelações para que a execução dele seja postergada, a fim de que haja tempo para que os documentos divulgados recentemente pelo FBI possam ser revisados.Segundo o porta-voz do 10º Tribunal de Circuito de Apelações, Patrick Fischer, um painel de três juízes foi designado para julgar o pedido de McVeigh. De acordo com o advogado Chris Tritico, a defesa sustenta que o juiz federal Richard Matsch utilizou um padrão equivocado ao decidir, quarta-feira, que era procedente a execução na próxima semana. "Tudo o que estamos pedindo é tempo para fazer o que necessitamos fazer", acrescentou.Segundo Tritico, McVeigh deu permissão para que seus advogados apresentassem a apelação. Ele não informou se há qualquer decisão para apelar na Corte Suprema caso o tribunal de apelações negue o pedido. Tritico disse também que o advogado Natahan Chambers está com McVeigh na prisão federal de Terre Haute, no Estado de Indiana, onde ocorrerá a execução.McVeigh, de 33 anos, autor do atentado à bomba ao prédio federal Alfred P. Murrah, em Oklahoma City, no qual 168 pessoas morreram em 19 de abril de 1995, teve sua execução marcada para o dia 11. Ele morrerá por injeção letal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.