Delegação israelense chega ao Cairo para negociações sobre Gaza

Tentativa das autoridades egípcias é alcançar um cessar-fogo permanente; palestinos entregaram documento com reivindicações 

O Estado de S. Paulo

05 de agosto de 2014 | 16h07

CAIRO - Uma delegação de Israel chegou ao Cairo nesta terça-feira, 5, para participar das negociações com as autoridades egípcias que intermedeiam o diálogo com os palestinos em busca de uma trégua permanente na Faixa de Gaza, segundo a agência estadual de notícias Mena.

A missão, formada por três funcionários israelenses, chegou a bordo de um avião privado que partiu de Tel-Aviv para uma visita "rápida".

Os membros da delegação se reunirão com responsáveis locais para debater as possíveis maneiras de alcançar um cessar-fogo permanente. Nesta terça, teve início uma trégua humanitária de três dias.

Uma delegação palestina aguardava no Cairo a chegada dos negociadores israelenses. Os palestinos já entregaram um documento ao Egito no qual reúnem as principais reivindicações para alcançar o cessar-fogo permanente, entre as quais estão o fim do bloqueio de Gaza e a libertação de presos.

Os mediadores egípcios entregarão o texto à delegação israelense para que seja analisado.

Os palestinos se mostraram otimistas na segunda-feira com as conversas, apesar de reconhecerem a necessidade de "muito esforço" para chegar a um acordo de cessar-fogo porque "o caso palestino não é fácil e as negociações são duras", como disse Izzat al Rishq, membro do escritório político do movimento islamita Hamas.

Os últimos dados do Ministério da Saúde indicam que 1.867 palestinos, a maioria civis, morreram e 9.563 ficaram feridos desde o início da operação israelense, em 8 de julho. / EFE

Tudo o que sabemos sobre:
IsraelGazaEgito

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.