Democrata defende deportação de tia

O democrata Barack Obama disse que sua tia queniana Zeituni Oyanando, que mora nos EUA, deve ser deportada caso se confirme que violou as leis de imigração do país. "Se está aqui violando a legislação, as leis devem ser respeitadas", afirmou Obama sobre Zeituni, irmã de seu pai que teve o pedido de asilo negado e hoje mora em um abrigo público em Boston. A equipe de Obama disse que o candidato não tem contato com a tia desde 2004.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.