Democrata massacrou rival em 1988

Raros momentos de debates entre candidatos à vice-presidência ganham contornos memoráveis, mas o de outubro de 1988 teve um diálogo que entrou para o rol das grandes histórias eleitorais americanas. O encontro entre o experiente senador democrata Lloyd Bentsen (vice na chapa de Michael Dukakis) e o jovem senador republicano Dan Quayle (vice na chapa de George H. W. Bush) teve como ponto alto uma "disputa" sobre o ex-presidente John Kennedy.

FELIPE CORAZZA, O Estado de S.Paulo

11 de outubro de 2012 | 03h03

Tentando apagar sua imagem de inexperiente, Quayle afirmou que tinha tanta bagagem "quanto John Kennedy quando foi candidato". Bentsen rebateu sorrindo: "Trabalhei com John Kennedy. Conheci-o muito bem. Era meu amigo. Senador, o senhor não é John Kennedy".

Após gargalhadas da plateia, Quayle tentou reagir dizendo que o democrata "não precisava ter feito isso". "Foi o senhor que fez a comparação e não eu", respondeu Bentsen que saiu do debate vitorioso na opinião de 67% dos eleitores, segundo uma pesquisa feita na mesma noite pelo jornal USA Today. Apesar do diálogo, Dukakis e Bentsen perderam a disputa para Bush e Quayle.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.