Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Democratas aceitam Burris como senador por Illinois

Eles disseram que o político do Estado de Illinois deverá tomar posse como senador nesta semana

AE-AP e Efe,

12 de janeiro de 2009 | 20h46

Os democratas no Senado dos Estados Unidos disseram nesta segunda-feira, 12, que aceitaram Roland Burris, político do Estado de Illinois, para a vaga na casa que antes foi ocupada pelo presidente eleito dos EUA, Barack Obama. Os democratas disseram que Burris deverá tomar posse como senador nesta semana.       Veja também:  Escolhido para substituir Obama tem negada vaga no Senado   Salvo se surgir alguma oposição considerável dos republicanos, os democratas devem aceitar que Burris assuma a cadeira nos próximos dias.   "As novas credenciais apresentadas hoje a favor do senhor Burris agora satisfazem os regulamentos do Senado e validam sua nomeação à cadeira vaga por Illinois", disse a secretária do Senado para a 111ª sessão legislativa, Nancy Erickson.   Além disso, Burris, um ex-procurador-geral de Illinois, conseguiu satisfazer seus opositores após oferecer um testemunho perante um comitê da legislatura estadual que promoveu o julgamento político para destituir o governador.   O líder da maioria democrata do Senado, e o "número dois" nesse órgão, Harry Reid e Dick Durbin, informaram em comunicado conjunto que, tendo superado o empecilho legal, Burris, de 71 anos, foi aceito pelo Senado.   "Falamos com o senhor Burris para explicar a ele que, agora, é o senador eleito por Illinois e, como tal, gozará de todos os direitos e privilégios" conferidos pelo cargo, afirmaram os senadores.   Desta forma, Burris, de 71 anos, poderá assumir o cargo em cerimônia presidida pelo vice-presidente Dick Cheney, como presidente do Senado, ao longo desta semana, mas a data ainda não foi determinada.   Reid e Durbin disseram que estão discutindo com o escritório de Cheney os detalhes "da data e hora da posse" de Burris.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAIllinoisRoland Burris

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.