Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Depois de criticar, Schroeder dá apoio aos EUA no Iraque

O chanceler alemão Gerhard Schroeder se comprometeu nesta quarta-feira a apoiar os Estados Unidos no processo de reconstrução do Iraque. Com o apoio alemão, o presidente americano George W. Bush tem a seu lado um aliado que, até agora, havia sido dos mais críticos à invasão do Iraque e da administração americana do pós-guerra. ?Nós queremos olhar para o futuro juntos?, disse Schroeder. ?É muito importante, não só para o Iraque mas para toda a região, para a Alemanha e portanto para toda a Europa?. Ele propôs mais uma vez a Bush que a nova polícia iraquiana seja treinada na Alemanha. Mas não indicou se a Alemanha vai enviar tropas ao Iraque. Schroeder também não explicou se passará a amenizar o tom das críticas que ele e o presidente francês, Jacques Chirac, têm feito aos Estados Unidos. Os dois chefes de estado têm dado fortes declarações pedindo mais participação da ONU no Iraque pós-Saddam e a instalação, em questão de meses, de um governo de iraquianos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.