Depósito de gasolina explode em Porto Rico

Uma explosão hoje em um depósito de gasolina nas proximidades da capital porto-riquenha, San Juan, causou um grande incêndio e levou à retirada de pessoas, enquanto os bombeiros corriam para evitar novos incêndios. Várias colunas de fumaça negra e chamas subiram da Caribbean Petroleum Corp., um depósito no qual a gasolina também é distribuída, na baía de San Juan, no território norte-americano.

AE-AP, Agencia Estado

23 de outubro de 2009 | 12h31

Agentes do FBI (polícia federal norte-americana) no local investigavam a causa da explosão, ocorrida por volta da meia-noite e meia (hora local), segundo o chefe de polícia José Figueroa Sancha. Um helicóptero que sobrevoou a área confirmou que 11 dos mais de 30 tanques explodiram, disse ele. Bombeiros fizeram o rescaldo dos tanques restantes para evitar novas explosões. Dezenas de caminhões-tanque foram retirados da área. A empresa afirmou a autoridades que nenhum funcionário se feriu.

Algumas pessoas que estavam perto do local foram feridas, pois a explosão quebrou vidros de carros. Um deles foi o motorista Alredro Nevares, com cortes no rosto causados pelos estilhaços, segundo seu filho Luis. A Administração da Aviação Federal impôs uma restrição temporária de voos na área por causa da fumaça. Era possível observar as chamas a quilômetros de distância. O chefe de polícia disse que deve levar dias para que o fogo seja contido.

As autoridades retiraram pessoas de comunidades na rota da fumaça. O governador Luis Fortuno pediu que os moradores se afastem do local. Escolas das proximidades ficaram fechadas hoje e autoridades ambientais pediram que os moradores deixem as janelas fechadas a fim de diminuir a entrada da fumaça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.