AFP PHOTO / GIL COHEN-MAGEN
AFP PHOTO / GIL COHEN-MAGEN

Desabamento de edifício Tel-Aviv deixa ao menos 2 mortos

Segundo informações da imprensa local, incidente teria ocorrido depois que o guindaste de um edifício em construção desabou sobre a estrutura de um estacionamento de quatro andares

O Estado de S. Paulo

05 de setembro de 2016 | 09h01

TEL-AVIV - Pelo menos 2 pessoas morreram e outras 17 ficaram feridas nesta segunda-feira, 5, após o desabamento de um edifício em Tel-Aviv, informou o porta-voz da Polícia israelense Micky Rosenfeld. Segundo os meios de comunicação locais, entre 6 e 12 pessoas permanecem desaparecidas após a queda do edifício situado ao norte da cidade israelense, no bairro de Ramat Hahayal, uma região muito comercial de Tel-Aviv.

A imprensa israelense informa que o fato pode ter ocorrido depois que um guindaste de um edifício em construção desabou sobre a estrutura de um estacionamento de quatro andares. As fontes agregaram que além dos 17 feridos levados a diferentes hospitais da região, outras 25 pessoas foram atendidas no lugar ao apresentar lesões leves.

As equipes de resgate asseguram que "há várias pessoas" que foram localizadas sob os escombros e com as quais foi estabelecido contato, enquanto permanecem desaparecidas "pelo menos cinco pessoas sem contato".

As autoridades da cidade pediram apoio ao Exército para acelerar os trabalhos de resgate. "Solicitaram apoio de nossos serviços de busca e resgate para auxiliar na extração de civis" do edifício derrubado "no qual não sabemos quantas pessoas há", explicou um porta-voz militar.

Os meios de comunicação disseram que aos trabalhos de resgate se somaram 120 membros do Exército, além de 60 bombeiros e soldados da polícia. / EFE e AP

Tudo o que sabemos sobre:
TEL-AVIVIsraelDesabamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.