Desabamento de prédio mata pelo menos 60 na capital da Índia

Equipes de resgate procuram nesta terça-feira sobreviventes do desabamento de um prédio de cinco andares na capital da Índia, Nova Délhi, que causou a morte de pelo menos 60 pessoas. As buscas das equipes estão sendo feitas com escavadeiras e com as próprias mãos.

REUTERS

16 de novembro de 2010 | 07h45

Outras 78 pessoas ficaram feridas e pelo menos 30 estariam presas sob os escombros do edifício, que desmoronou na noite de segunda-feira, disseram a polícia e membros dos serviços de resgate.

"As passagens são muito estreitas. Não é fácil para as equipes de resgate chegarem ao local", disse Sheila Dikshit, ministra-chefe de Nova Délhi. Ela atribuiu o desastre a falhas na construção do prédio e disse que o governo vai abrir uma investigação sobre o caso.

Autoridades locais afirmaram que o edifício desabou depois que seu subsolo ficou alagado por vários dias depois das fortes chuvas de monções.

Muitas edificações na Índia não atendem às normas de segurança ou às especificações do zoneamento urbano. Proprietários constroem pisos ou novos cômodos sem a aprovação das autoridades municipais.

(Reportagem de Rajesh Kumar Singh)

Tudo o que sabemos sobre:
INDIAPREDIODESABA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.