Desaprovação de Obama chega ao nível recorde de 53%

A desaprovação do presidente dos EUA, Barack Obama, subiu para 53%, atingindo o nível mais alto já registrado desde que ele assumiu o cargo há quase cinco anos. Na pesquisa mais recente divulgada pela McClatchy-Marist, a taxa de aprovação de Obama ficou em 43%, mantendo o mesmo nível visto nos últimos meses, em meio à paralisação do governo e o início conturbado da sua reforma de saúde.

STEFÂNIA AKEL, Agência Estado

10 de dezembro de 2013 | 15h44

O levantamento apontou ainda que 68% dos americanos acreditam que o país está no caminho errado, enquanto 30% disseram que os EUA estão no caminho correto.

Os americanos também não estão confiantes no Congresso. Entre os entrevistados, 68% disseram estar céticos de que os parlamentares chegarão a um acordo orçamentário esta semana. Para a pesquisa, foram consultados 1.173 americanos.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAObamadesaprovação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.