Desertores do exército russo matam policiais e fazem reféns

Dois oficiais do exército russo desertaram de suas unidades nesta quinta-feira, mataram dois policiais e fizeram três reféns em uma casa próxima a Moscou.Os irmãos Dmitry e Alexander Oparin fugiram de suas barracas, próximas ao povoado de Solnechnogorsk, ao norte da capital russa, apoderando-se de fuzis e munição. Na fuga, mataram dois policiais que tentaram detê-los, informou o governo russo em comunicado.Com um microônibus, foram até uma residência próxima e fizeram três reféns. Após a polícia cercar a casa, Alexander se matou e Dmitry foi capturado.Os irmãos haviam cumprido um ano e meio dos dois anos que teriam de servir no exército. Deserções, assassinatos e outros crimes violentos tem se tornado comuns e desmoralizado o exército russo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.