Deslizamento de terra faz 32 mortos na ilhas Célebes

Uma avalanche de barro e lodo sepultou na terça-feira várias casas da localidade de Manado, nas ilhas Célebes, 2.300 quilômetros ao nordeste de Jacarta, na Indonésia, deixando pelo menos 32 mortos e dezenas de pessoas feridas, algumas em estado grave, segundo fontes policiais.O subchefe da polícia de Manado, Agus Sulistiyono, disse que pelo menos 10 pessoas estão internadas em estado grave em dois hospitais da cidade. Trata-se da segunda catástrofe provocada pelas chuvas que caem ao norte das ilhas Célebes em pouco mais de uma semana.Grupos ambientalistas criticam o desflorestamento ilegal, dizendo que isso tirou a capacidade de retenção de água das áreas florestais e contribuiu para o aumento de inundações, deslizamentos de terra e transbordamento de rios.No mês passado, quase 200 pessoas ficaram sob o lodo num deslizamento ocorrido em Java Central, na pior catástrofe natural deste tipo na Indonésia nos últimos anos.O governador provincial, Sinyo Harry Sarundajang, advertiu que devem cessar as atividades de poda ilegal nas proximidades da cidade, "porque favorecem catástrofes naturais como esta".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.