Deslizamento de terra mata 8 no norte do Nepal

Um grande deslizamento de terra neste sábado matou pelo menos oito pessoas no norte do Nepal e deslocou a água de um rio, formando um lago que ameaça alagar diversos vilarejos, de acordo com autoridades. O número de mortos pode aumentar porque muitas casas ficaram soterradas por pilhas de rochas e terra ou submersas, explicou o policial Arun Chetri, acrescentando que ainda não é possível determinar a quantidade de pessoas desaparecidas no desastre.

AE-AP, Estadão Conteúdo

02 de agosto de 2014 | 08h41

Um homem que estava entre as dezenas de pessoas feridas pelo deslizamento de terra, que ocorreu por volta das 3h da madrugada (no horário local) na área de Sindhupalchowk, cerca de 120 quilômetros ao leste de Katmandu, disse que o número de mortos pode ser maior que 100, dado que muitas casas foram de sua aldeia e também da vizinha foram soterradas.

"Há quase 100 pessoas nas 60 casas do meu vilarejo e outras 20 no vilarejo vizinho que foi soterrado pelo deslizamento de terra. Todos provavelmente estão mortos", disse Durga Lal Shrestha à agência Associated Press de sua cama no hospital de Katmandu, para a qual foi levado de helicóptero.

Shrestha, que sofreu ferimentos no rosto e nos braços, afirmou que quando o deslizamento ocorreu, ele e sua família ouviram um estrondo e então o chão tremeu como um terremoto. "As paredes da minha casa desabaram, mas o telhado estava bem e foi assim que conseguimos sobreviver", contou. "Ao sairmos, estava escuro e lamacento. Todo mundo estava gritando e foi uma situação caótica", relatou o sobrevivente.

Deslizamentos de terra são comuns na maior parte das áreas montanhosas do Nepal durante a temporada de chuvas, que começa em junho e vai até setembro. Em maio de 2012, pelo menos 26 pessoas foram mortas quando uma avalanche bloqueou o rio Seti no noroeste do Nepal e causou inundações em diversos vilarejos. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
NEPALDESLIZAMENTO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.