Deslizamento mata 26 pessoas e mais de 100 estão desaparecidas na Guatemala

Uma encosta de 100 metros atingida por fortes chuvas desabou sobre um bairro nos arredores da capital da Guatemala, matando ao menos 26 pessoas. Mais de 36 vítimas foram levadas para hospitais.

Estadão Conteúdo

03 Outubro 2015 | 00h06

A montanha que ficava acima do bairro de Cambray, no subúrbio de Santa Catarina Pinula, desmoronou parcialmente em cima de uma extensão de 60 metros do local um pouco antes da meia-noite, soterrando cerca de 68 casas.

Parentes das vítimas reportaram que 100 pessoas estão desaparecidas, mas o número pode chegar a 600, baseado nas 100 casas que estão localizadas na área do deslizamento, disse Alejandro Maldonado, secretário executivo da Conred, a agência de desastres da Guatemala.

Os grupos de busca interromperam o trabalho que ocorria há quase 24 horas, pois a chuva na região tornou o local perigoso para as equipes de resgate, que devem voltar ao trabalho na manhã de sábado. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Guatemala deslizamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.