Deslizamentos deixam pelo menos 26 mortos na China

Deslizamentos no sudoeste da China deixaram pelo menos 26 mortos e 41 pessoas desaparecidas, informou hoje a imprensa estatal. A área mais afetada pela lama e pelas pedras foi a cidade de Chuxiang, na província de Yunnan, na qual houve 20 mortes e 41 pessoas estão desaparecidas, segundo a agência estatal Nova China. Na capital provincial de Kunming houve quatro mortes, já na cidade de Lincang ocorreram duas mortes.Mais de 410 mil pessoas foram prejudicadas pelas fortes chuvas que trouxeram deslizamentos. Mais de mil casas foram destruídas e outras 2.300 danificadas pelo desastre, segundo a imprensa estatal. As plantações, o suprimento de energia, as telecomunicações e o transporte foram afetados. Mais de 25 mil pessoas foram retiradas de suas casas e cinco equipes trabalhavam para socorrer as vítimas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.