Detetive particular quer reabrir caso O.J. Simpson

O detetive particular William Dear promete comprovar que o ex-jogador de futebol americano O.J. Simpson não matou, mesmo, a mulher dele. Mesmo com O.J. tendo sido absolvido em 1995, Dear quer reabrir o caso para conseguir notoriedade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.