Detido militar desetor afegão Amanullah

O comandante militar desertor Amanullah foi detido e transferido de Herat para Cabul, no Afeganistão, nesta sexta-feira, informou Jawed Ludin, porta-voz do presidente Hamid Karzai. Amanullah, que se identifica apenas por esse nome, teria aceitado ser levado à capital afegã, conforme disse Ludin, embora fontes que pediram para não ser identificadas tenham afirmado que o militar não teve escolha. ?Ele não tinha a liberdade para voltar. Estava sob custódia?, disse um alto funcionário afegão. Dezenas de pessoas morreram durante os combates que começaram neste mês entre as milícias leais a Amanullah e as forças do governador de Herat, Ismail Khan, da etnia tayik. Ludin disse que a ação contra o militar desertor constitui um passo de uma estratégia que terá continuidade nos próximos dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.