Detido na Alemanha acusado de vínculos terroristas

As autoridades alemãs informaram hoje que detiveram um homem, na cidade de Hamburgo, diretamente vinculado aos seqüestradores dos aviões que cometeram os ataques terroristas de 11 de setembro nos Estados Unidos. O homem, identificado apenas como Mounir El M., de 27 anos, é acusado de apoiar um grupo terrorista. Ele teria uma conta bancária usada pelo pirata aéreo Marwan Al-Shehhi, segundo um comunicado da promotoria alemã. A conta, aberta em um banco de Hamburgo, era usada para os gastos de Al-Shehhi e outros membros do grupo, incluindo o suposto líder Mohamed Atta e também Ziad Jarrah. O dinheiro teria sido usado para os gastos de Al-Shehhi durante sua estada nos Estados Unidos e para pagar suas lições de vôo na Flórida. Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.