Detido suposto mentor de atentados na Arábia Saudita

Um militante islâmico suspeito de planejar os atentados suicidas de 12 de maio contra a capital da Arábia Saudita foi detido, informou nesta quinta-feira a rádio estatal do país. Ali Abd al-Rahman al-Faqasi al-Ghamdi "rendeu-se voluntariamente" à polícia, disse um funcionário não identificado do Ministério do Interior à Rádio Riad.Acredita-se que Al-Ghamdi possua laços com a rede extremista Al-Qaeda, liderada pelo milionário saudita no exílio Osama bin Laden. Ele figura também entre os 19 supostos militantes procurados desde o início do mês passado, quando a polícia descobriu um carregamento de armas pesadas em Riad. Os 19 são suspeitos de receberem ordens diretas de Bin Laden.Autoridades americanas disseram que Al-Ghamdi também é conhecido como Abu Bakr, e participava das ações da Al-Qaeda dentro da Arábia Saudita. Trinta e quatro pessoas morreram numa série de atentados promovida contra alvos ocidentais em Riad no dia 12 de maio, inclusive nove militantes suicidas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.