Detidos 40 suspeitos de ter laços com rebeldes

A polícia turca deteve ontem cerca de 40 pessoas, entre elas vários jornalistas, suspeitas de ter ligações com rebeldes curdos. Segundo a agência de notícias Dogan, Mustafa Ozer, um fotógrafo que trabalha para agência France Presse, está entre os detidos. Em dois anos de investigações, centenas de pessoas foram presas, acusadas de ligação com o proscrito Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.