Dez pessoas desaparecem em deslizamento no Tibete

Desmoronamento aconteceu sobre a estrada que une os distritos de Pome e Metok

Efe,

27 de março de 2011 | 05h32

PEQUIM - Pelo menos dez pessoas estão desaparecidas depois que um deslizamento soterrou uma estrada de uma região montanhosa na região autônoma do Tibete (sudoeste da China), informou a agência oficial Xinhua.

O desmoronamento aconteceu sobre a estrada que une os distritos de Pome e Metok, na Prefeitura de Nyingchi, e deixou uma centena de pessoas presas, em sua maioria moradores locais e trabalhadores que realizaram obras na via de comunicação.

As equipes de resgate conseguiram desenterrar a maioria dos soterrados, mas uma dezena deles ainda não foi localizada, por isso que os trabalhos de salvamento continuam, assinalaram as autoridades locais.

As nevascas interromperam ao longo do fim de semana o tráfego entre o Tibete e a vizinha província de Sichuan, embora este tenha sido reatado nas últimas horas.

No entanto, se aconselhou precaução aos motoristas que planejam usar esta rota, uma das principais ligações entre o planalto tibetano e o resto da China.

Tudo o que sabemos sobre:
tibetedeslizamentochina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.