Dezenas de rebeldes morrem no Afeganistão

Dezenas de rebeldes foram mortos pelo exército afegão e tropas americanas durante um ataque hoje a instalações do governo do Afeganistão em Spera, na província Khost, ao leste, perto da fronteira com o Paquistão.O governador da província, Arsallah Jamal, afirmou que pelo menos 50 rebeldes morreram na ação, enquanto o restante fugiu para o Paquistão. Dois soldados oficiais morreram e quatro ficaram feridos. Parte das mortes do lado rebelde ocorreu durante ataque de helicópteros usados pelas forças americanas, segundo comunicado da Organização do Tratado Atlântico Norte (Otan).Também em Khost, um homem-bomba matou uma pessoa e feriu outras quatro em um atentado realizado à beira de uma estrada que está sendo construída na província. Todas as vítimas eram trabalhadores da obra.O número de ataques de militantes rebeldes no leste do Afeganistão aumentou em 40% neste ano, ante o mesmo período em 2007. As autoridades afegãs acusam o Paquistão de não trabalhar o suficiente para impedir que rebeldes se refugiem em seu território, afirmações rejeitadas pelo governo paquistanês.Mais de 2.700 pessoas, a maioria militantes, morreram em episódios de violência similares neste ano, de acordo com números compilados pela Associated Press com base em informações oficiais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.