Dezessete trabalhadores soterrados em mina na China

Mineiros ficaram presos dentro da mina inundada; somente esta semana 132 pessoas morreram no país

Efe,

28 Novembro 2009 | 02h08

Mais um acidente grave no setor de mineração chinês, o quarto registrado em uma semana. Dezessete trabalhadores foram soterrados em uma mina de carvão da cidade de Meikou, na província chinesa de Jilin, nordeste do país. A informação foi divulgada neste sábado, 28, pela agência oficial Xinhua.

 

Os trabalhos de resgate são dificultados pela água e barro no interior da mina, que tem uma capacidade de produção anual de 60 mil toneladas.

 

No último sábado, 21, um acidente provocou a morte de 108 trabalhadores em Heilongjiang, região nordeste do país. Ocorreram ainda outros dois em que foram totalizadas mais 24 mortes.

 

As minas chinesas são as mais perigosas do mundo, devido à precariedade de seus métodos de segurança em um país onde o carvão é a principal fonte de energia (mais de 70 % do total). Os acidentes aumentam no inverno, quando a demanda de carvão para calefação sobe em todo o país.

Mais conteúdo sobre:
China mina

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.