Dia do juízo final para o Iraque se aproxima

O presidente americano George W. Bush disse nesta quarta-feira que os EUA ?não darão trégua? na busca pela vitória no Iraque, sobre um ?regime condenado?. ?Não podemos saber quando a guerra acabará, mas estamos preparados para as batalhas que nos esperam.?, repetiu Bush. ?O dia do juízo final para o regime do Iraque está chegando?, disse.Bush removeu do discurso que fez na Flórida a afirmação de que o avanço das tropas norte-americanas no Iraque é mais rápido do que havia sido planejado. Durante o vôo para a Flórida, o porta-voz da Casa Branca, Ari Fleischer, havia dito que Bush faria essa declaração no discursoO presidente, porém, não fez qualquer referência ao ritmo de avanço das tropas. Indagado a respeito, um alto funcionário do governo disse que Bush fez a mudança durante o vôo para a Flórida, por uma questão de cautela.Bush disse que as forças norte-americanas enfrentam, agora, as mais desesperadas unidades iraquianas. Bush afirmou ainda que a Guarda Republicana encontra-se sob intenso ataque. O presidente dos EUA afirmou que os criminosos de guerra iraquianos, que praticam ?atos brutais?, serão perseguidos após o fim da guerra. O presidente disse ainda que os EUA destruíram uma base terrorista no norte do Iraque. Pela primeira vez, citou a contribuição dada pelos países que enviaram soldados para a guerra, numa lista incluindo Dinamarca, República Checa, Eslováquia, Polônia, Romênia, Ucrânia e Bulgária. Anteriormente, os EUA haviam mencionado apenas as forças britânicas e australianas. Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.