Jorge Adorno/Reuters
Jorge Adorno/Reuters

Dilma e Cartes se reúnem em Brasília

Presidentes devem discutir relações comerciais entre os países e retorno do Paraguai ao Mercosul

O Estado de S. Paulo,

30 Setembro 2013 | 08h34

Dilma Russeff e o presidente do Paraguai, Horacio Cartes, que tomou posse em agosto, se reúnem em Brasília, nesta segunda-feira (30), para discutir as relações comerciais entre os dois países e o retorno do Paraguai ao Mercosul. Cartes será recebido por Dilma com honras de chefe de Estado. Às 12h20, os dois presidentes farão uma declaração à imprensa.

O Ministério das Relações Exteriores (MRE) afirmou, em nota, que os dois países tratarão da continuidade da cooperação técnica, do desenvolvimento fronteiriço e de questões ligadas à infraestrutura e a iniciativas de combate à pobreza. De acordo com o governo paraguaio, também devem ser discutidas as negociações para a aliança União Europeia-Mercosul e assuntos relacionados à Usina Itaipu Binacional, construída pelos dois países e uma das maiores do mundo.

O Paraguai ficou suspenso do Mercosul entre 29 de junho de 2012 e 12 de julho depois que o então presidente Fernando Lugo foi destituído do poder, por impeachment. Líderes do Argentina, do Brasil e Uruguai impuseram a punição ao país.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.