Dinamarca retoma controle de fronteira

O governo da Dinamarca cedeu à pressão do partido conservador local e anunciou ontem que voltará a controlar suas fronteiras com a União Europeia, supostamente para frear a onda de crimes no país. Dez anos depois de ter aderido ao tratado de livre circulação de pessoas do bloco, o país foi o primeiro a anunciar oficialmente medidas concretas, indicando a retomada da fiscalização de suas fronteiras com a Alemanha e a Suécia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.