Diplomata dos Emirados Árabes é seqüestrado em Bagdá

Um diplomata dos Emirados Árabes Unidos, cuja identidade não foi revelada, foi seqüestrado nesta terça-feira em Bagdá por um grupo que matou um de seus seguranças. Segundo o policial Thair Mohammed, o diplomata foi abduzido no distrito de Mansour, por volta das 22 horas local. O diplomata estava a pé a caminho de sua casa, que fica próxima a embaixada.O ministro do Exterior dos Emirados Árabes confirmou o desaparecimento de um de seus diplomatas em Bagdá, segundo uma agência de notícias local. O político não soube especificar o nome da vítima.Em julho de 2005, a Al-Qaeda iraquiana seqüestrou e matou dois diplomatas argelinos e um egípcio, numa aparente campanha para desencorajar seus países a manterem representação no Iraque. Desde então, os países árabes e islâmicos têm hesitado em enviar embaixadores e diplomatas para Bagdá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.