Diplomata espanhol é detido por quatro horas em Teerã

Um diplomata espanhol foi detido em Teerã durante quatro horas, informou hoje o governo de Madri. As autoridades espanholas convocaram o embaixador iraniano no país a fim de cobrar explicações pelo incidente ocorrido no dia anterior.

AE, Agência Estado

15 de fevereiro de 2011 | 10h58

Uma funcionária do Ministério das Relações Exteriores afirmou que Ignacio Pérez Cambra, terceiro diplomata de maior graduação da embaixada espanhola em Teerã, foi detido ontem quando dirigia seu carro rumo à sede diplomática na capital iraniana. Cambra foi levado para uma delegacia de polícia.

Pedindo anonimato, a funcionária afirmou que a Espanha considera a detenção inaceitável. A embaixada iraniana em Madri disse que não havia ninguém ali com autoridade suficiente para comentar a questão. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Irãdetençãodiplomataespanhol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.