Diretor-geral da agência nuclear iraniana renuncia

O diretor-geral da Organização de Energia Atômica do Irã e um dos oito vice-presidentes do país, Gholam Reza Aghazadeh, renunciou a ambos os cargos, informou hoje a agência de notícias Isna, que noticiou também que ele disse ter apresentado sua carta de renúncia ao presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, há três semanas. Apesar de não ter esclarecido os motivos de sua saída, Aghazadeh é tido como um aliado do líder oposicionista Mir Hossein Mousavi, que levantou denúncias de fraude durante a eleição para presidente, realizada em 12 de junho. Na ocasião, Ahmadinejad foi reeleito.

AE, Agencia Estado

16 de julho de 2009 | 10h16

Na década de 1980, Aghazadeh foi assessor executivo do então primeiro-ministro Mousavi. De 1985 a 1997, Aghazadeh atuou como ministro do Petróleo. A seguir, passou a trabalhar na Organização de Energia Atômica por indicação do ex-presidente reformista Mohammad Khatami. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Irãvice-presidenterenúncia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.