Disputa por ajuda provoca confronto no Afeganistão

A polícia entrou em confronto com pessoas que coletavam ajuda humanitária nesta terça-feira no local do deslizamento de terra na região nordeste do Afeganistão, com a polícia atirando para o alto para dispersar a multidão, afirmaram autoridades locais.

AE, Agência Estado

06 Maio 2014 | 16h45

Ninguém ficou ferido no incidente, disse o chefe da polícia provincial Faziluddin Hayar. Ele disse que uma multidão de pessoas havia corrido em direção a um caminhão que transportava ajuda para as vítimas do deslizamento da última sexta-feira.

Matt Graydon, da Organização Internacional de Migração, estava no local quando os eventos ocorreram. Segundo ele, ocorreu uma briga pela comida que estava sendo distribuída. "A situação escalou muito rapidamente", afirmou Graydon, assinalando que ouviu tiros ao fugir com outras pessoas a pé até as montanhas. Algum tempo depois, soldados do Exército e mais policiais chegaram para controlar a situação.

Na última sexta-feira, o deslizamento de terra ocorreu na remota aldeia de Abi Barik, quando um pedaço de terra se desprendeu e enterrou parte da aldeia. Conforme o governo do país, mais de 300 corpos foram encontrados.

Autoridades têm enfrentado dificuldades para levar ajuda para os sobreviventes que foram deslocados de suas casas. A aldeia é acessível apenas por uma estrada de terra, mas o acesso está sendo comprometido pela chuva contínua. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Afeganistão deslizamento confronto ajuda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.