Divorciada de príncipe, Sarah Ferguson lança marca

Sarah Ferguson, ex-mulher do príncipeAndrew, da Inglaterra, quer repetir o sucesso dos alimentos naturaisfabricados pelo príncipe Charles, seu ex-cunhado, lançando suaprópria linha de artigos para o lar. "Entro no ramo do estilo de vida, dos artigos de linho, dostalheres", disse a duquesa de York, de 47 anos, em entrevista queserá publicada em março pela revista Good Housekeeping. A duquesa, divorciada do príncipe Andrew, contatou especialistaspara lançar seus produtos, como fez o príncipe de Gales com suamarca Duchy Originals. "Estamos desenvolvendo uma marca baseada no brasão da família daminha mãe", afirmou Sarah. Sua mãe, Susan, era neta do oitavo visconde Powerscourt, docondado de Wicklow, na Irlanda. A duquesa afirmou que seus produtos não serão comercializados noReino Unido por conta de um acordo feito com a Família Real para queela pudesse trabalhar. Após o trato, Sarah então atuou como porta-voz nos Estados Unidosda organização Vigilantes do Pesos, que ajuda pessoas a emagrecer. Questionada pela Good Housekeeping sobre por que se divorciou deAndrew apesar do bom relacionamento entre ambos, a duquesa disse quefoi porque ela não podia trabalhar. "Foi por isso que nos divorciamos. Como membro da Família Real,não me era permitido trabalhar, e eu precisava", ressaltou. "Nós nos divorciamos", acrescentou, "para que eu pudesse ser umapessoa livre. Com Andrew, eu optei pela amizade, não pelo dinheiroou por uma casa. Eu trabalho nos Estados Unidos como Sarah Ferguson,não como duquesa de York".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.