DNA denuncia ladrões de US$ 2 milhões em jóias

O DNA descoberto em máscaras de esqui ligaram dois londrinos a dois assaltos à marreta contra uma joalheria. Mark Needham, de 24 anos, e Troy Benjamin, de 25, seriam os dois mascarados que investiram contra a loja da Kutchinsky, nos dias 19 de fevereiro e 21 de março deste ano, levando um botim estimado em US$ 2 milhões de jóias que, até hoje, não foram encontradas.?A evidência forense neste caso implica clara e forçosamente os dois réus nos assaltos do dia 21 de março?, disse o advogado de acusação Brian O?Neil ao tribunal de Harrow Crown hoje.?E seria, nós sugerimos, uma afronta ao senso comum sugerir que outros que não os mesmos dois homens cometeram o assalto de 19 de fevereiro.?Mark e Troy declararam-se inocentes dos dois assaltos. Nos dois casos, os ladrões avançaram para a joalheria numa motocicleta e arrebentaram as vitrinas com uma marreta.No primeiro assalto, eles levaram um colar de platina com um diamante em formato de pêra avaliado em US$ 585.000 e três anéis de diamante. Três colares foram roubados no segundo, incluindo o mais valioso de todos, que custa US$ 685.000.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.