Dois ataques em bairros de Bagdá matam ao menos 14 e ferem 47

Segundo os policiais, o carro explodiu quando estava estacionado perto de um mercado de vegetais no bairro de Al-Ameen

O Estado de S. Paulo

21 Setembro 2015 | 15h53

BAGDÁ  - Um carro-bomba em um bairro de Bagdá, capital do Iraque, matou 11 pessoas e feriu outras 42 nesta segunda-feira, além de danificar diversos carros, de acordo com autoridades iraquianas.

Segundo os policiais, o carro explodiu quando estava estacionado perto de um mercado de vegetais no bairro de Al-Ameen, no sudeste da capital iraquiana. Ninguém assumiu a responsabilidade pela explosão imediatamente. As autoridades médicas confirmaram as mortes.

Em um incidente separado, uma bomba matou três pessoas e feriu outras cinco no bairro de al-Shaab, segundo a polícia e autoridades médicas. Todas as autoridades falaram sob condição de anonimato porque não foram autorizadas a falar com a imprensa.

Bagdá há anos tem visto ataques quase diários contra forças de segurança iraquianas, autoridades do governo e civis por carros-bomba, homens-bomba e explosões em rodoviárias.

Muitos dos ataques maiores foram reivindicados pelo grupo sunita islâmico dissidente da Al-Qaeda, que conquistou um terço do Iraque desde a sua guerra relâmpago no ano passado. /AP

Mais conteúdo sobre:
Iraqueviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.