Justin Sullivan/Getty Images/AFP
Justin Sullivan/Getty Images/AFP

Dois homens são presos acusados de saquear casas durante incêndios florestais na Califórnia

População foi obrigada a fugir das chamas, que já mataram dois bombeiros e seis civis; ao menos 650 residências foram destruídas

O Estado de S.Paulo

30 Julho 2018 | 11h25

REDDING, CALIFÓRNIA - Autoridades prenderam nesta segunda-feira, 30, dois suspeitos de saquear residências esvaziadas após o incêndio florestal de grandes proporções na Califórnia, que já deixou seis mortos. De acordo com o jornal Sacramento Bee, Jade Ball e Jack Fanning foram encontrados com o que, segundo a polícia, eram evidências que os ligavam a vários assaltos.

Dezenas de milhares de pessoas saíram de suas casas na cidade de Redding, 193 quilômetros ao norte de São Francisco. O fogo já destruiu mais de 650 residências na região. Segundo autoridades, um morador que ficou para trás avisou a polícia depois de perceber que sua casa havia sido invadida. Além disso, policiais encontraram uma porta quebrada e itens eletrônicos empilhados na entrada de uma residência próxima

Equipes de bombeiros se espalharam pela Califórnia, combatendo chamas. Dois bombeiros também morreram. Moradores da cidade à beira-mar de Lakeport fugiram no domingo, depois que dois incêndios nos condados de Mendocino e Lake destruíram, juntos, ao menos quatro residências. / AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.