Dois membros da Jihad são mortos em Hebron

Dois palestinos, membros da Jihad islâmica, foram mortos a tiros na manhã desta quarta-feira perto da aldeia de Tufah, oeste de Hebron, na Cisjordânia. Segundo os soldados israelenses, quando estavam à procura de suspeitos na região, os dois palestinos abriram fogo contra eles, que revidaram. Ainda nesta manhã, um palestino foi ferido quando tentava entrar no kibutz Najal Oz, fronteira de Gaza, por soldados israelenses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.