Dois policiais são queimados vivos no México

Uma multidão assassinou dois agentes federais que tiravam fotografias de crianças na porta de uma escola primária, na qual vem ocorrendo vários seqüestros. Eles foram queimados ainda em vida no final da tarde de terça-feira em bairro rural da capital mexicana. Um terceiro foi espancado e está em estado grave no hospital.Imagens de TV mostram pessoas gritando obscenidades e golpeando os dois agentes que estavam vestidos de civis. Eles foram banhados com gasolina e incendiados.Antes de ser queimado, uma das vítimas falou diante das câmeras de TV que era agente federal em missão na área. O diretor da Polícia Federal, José Luis Figueroa, confirmou que três agentes haviam sido enviados ao povoado de San Juan, em um automóvel sem placa, como parte de uma ação contra o narcotráfico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.