Yuri Gripas
Yuri Gripas

Donald Trump critica Coreia do Norte após novo lançamento de míssil

"Será que este homem não tem nada melhor para fazer na vida?", disse Trump em sua conta no Twitter

O Estado de S.Paulo

04 Julho 2017 | 02h06
Atualizado 04 Julho 2017 | 04h28

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, usou o Twitter para criticar o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, depois de o regime norte-coreano ter realizado um novo lançamento de míssil, segundo informação da Coreia do Sul.

O regime norte-coreano diz que o míssil era intercontinental, mas EUA e Japão dizem que trata-se de um equipamento de médio alcance. 

"Será que este homem não tem nada melhor para fazer na vida?", questionou Trump."Difícil acreditar que a Coreia do Sul e o Japão vão continuar a aturar isto por muito mais tempo", acrescentou.

Trump instou a tradicional aliada norte-coreana, a China, a "tomar uma posição forte em relação à Coreia do Norte e a acabar com este disparate de uma vez por todas".

O lançamento da Coreia do Norte foi realizado por volta das 09:40 (20:40 de Brasília) partindo da província norte-coreana de Pyongyang Norte. O míssil atingiu cerca de 2.800 quilômetros de altura, voou por 40 minutos e aproximadamente 900 quilômetros. 

Autoridades da Coreia do Sul estão investigando o tipo e o trajeto do míssil. Este foi o quinto teste de míssil de Pyongyang nos últimos meses, desafiando advertências da Organização das Nações Unidas e ameaças dos EUA sobre uma possível resposta militar. 

Especialistas concordam que o regime, um dos mais isolados do mundo, fez progressos no sentido de conseguir mísseis nucleares intercontinentais que possam alcançar o território americano. A Coreia do Norte já realizou cinco testes nucleares, os dois últimos em janeiro e setembro de 2016. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.