'Doutor Morte' publica livro sobre a eutanásia na internet

Publicação foi proibida na Austrália e traz métodos para praticar formas de suicídio assistido

Efe,

13 de outubro de 2008 | 04h03

O ativista australiano a favor do direito à eutanásia, Philip Nitschke, conhecido como "Doutor Morte", publicou na internet um livro com instruções sobre como suicidar-se sem dor, censurado na Austrália. O "Manual Eletrônico sobre a Pílula Pacífica" é, segundo seu autor, uma compilação dos métodos mais seguros e pacíficos que podem ser utilizados para cometer um suicídio pacífico, informou a agência australiana "AAP". Foi publicado há 18 meses nos Estados Unidos, mas sua venda está proibida na Austrália, e está sendo divulgado de Londres pela internet para burlar as leis australianas. Em janeiro, o ativista foi detido na Nova Zelândia por levar cópias de seu livro, também censurado ali. Nitschke dirige a organização "Final Exit", que divulga informação sobre a eutanásia e formas de suicídio assistido, e além disso distribui métodos para realizá-los, como bolsas para morrer por asfixia.

Tudo o que sabemos sobre:
eutanásiaDoutor Morte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.