Doze são mortos horas antes da posse de presidente afegão

Rebeldes atacaram uma patrulha americana e um posto militar do Afeganistão perto da fronteira com o Paquistão, desencadeando choques nos quais morreram pelo menos oito rebeldes e quatro soldados afegãos, informaram autoridades locais nesta terça-feira.Os ataques ocorreram apenas algumas horas antes da posse do líder Hamid Karzai como primeiro presidente eleito pelo voto direto da história do Afeganistão.Um foguete foi disparado nos arredores de Cabul na noite de segunda-feira, mas caiu longe do palácio real onde Karzai fez hoje seu juramento de posse.No discurso de posse, Karzai prometeu trazer prosperidade e estabilidade ao Afeganistão, apesar das persistentes ações rebeldes contra a presença de tropas estrangeiras no país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.