Duas bombas matam nove e ferem 39 em Bagdá

Duas bombas explodiram num intervalo de minutos nesta quarta-feira no norte de Bagdá, matando pelo menos nove pessoas e ferindo outras 39, informou a polícia.As explosões - de um carro-bomba estacionado e de uma bomba na beira de uma avenida - tinham como alvo patrulhas do Exército iraquiano que passavam num movimentado cruzamento. Dois dos mortos e oito dos feridos eram soldados iraquianos.Também foram encontrados hoje 26 corpos espalhados em diferentes ruas da capital, todos com ferimentos de bala e a maioria com sinais de tortura.A nordeste de Bagdá, franco-atiradores dispararam contra uma procissão de peregrinos que se dirigia para a cidade sagrada xiita de Kerbala, matando um e ferindo dois.Dezenas de milhares de fiéis são esperados em Kerbala, 80 km ao sul da capital, para participar em 9 de setembro do Shaaban, uma celebração religiosa. Muitos dos peregrinos viajam a pé.Em Mossul, 360 km a noroeste de Bagdá, um carro-bomba explodiu na passagem de uma patrulha policial, matando seis policiais e ferindo outros seis.A polícia confirmou a morte de mais 11 pessoas na violência política hoje em todo o Iraque.A violência cobrou vidas também em outras áreas de Bagdá, além das cidades Kirkuk, ao norte, Baqouba, nordeste, e na província de Diyala, norte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.